10 de abril de 2008

amuse me

.
Descobri o blog da e andei por lá a espreitar os desenhos da marota.
Quando me deparei com esses dois fiquei um pouco nostálgico.
Corriam os anos de 1996 e 1997 quando eu me sentava nas aulas de desenho de modelo nú.
Lembro-me do nervosismo geral na primeira aula, dos risinhos abafados, dos rostos corados e de uma inocência que não vislumbro nos dias de hoje.
Lembro-me também da naturalidade com que, ao fim das primeiras aulas, observávamos os corpos e da naturalidade dos seus donos ao serem tão infimamente analisados na ponta do lápis.
Lembro-me da cara de espanto do meu pai quando, num restaurante, lhe disse - olha, pai, já vi aquela mulher nua. (detalhe, a mulher estava com o marido, com uma criança de colo, e acenou-me com a cabeça esboçando um sorriso)
Estou aqui a tentar lembrar-me do nome dela, e a memória não está a ajudar nada. Mas, perguntem-me como era a clavícula dela e logo terei uma imagem perfeita da sua forma.
Genoveva! Acho que era esse o nome do corpo que tantas vezes desenhei...

2 comentários:

Chris disse...

kkkkkkkkk bung , descobri um apelido novo prôcê: quinto elemento doa gatos fedidos kkkkkkkk

Pretazeta disse...

Conehço um rapaz q faz de modelo em aulas desse género.
No incio fazia-me confusão, ele tentava explicar que era tudo muito técnico, mas sei lá....n era capaz!!!