8 de dezembro de 2008

na ponta dos dedos,
a silenciosa companhia de palavras desfeitas
...
seria bom conseguir tornar a dor invisível e esconde-la num lugar onde nunca mais a pudesse ver

1 comentário:

Chris disse...

não existe esse lugar... ela não fica invisível... e a dor é só dor da saudade...é infinita... saudade de um beijo eterno... um abraço... falta infinita... falta do riso largo... dos olhos verdes... falta do porto seguro que não encontro mais... vazio...só um vazio...